Vá para:

Em Vila Velha, SINDIUPES reitera posição da categoria de não aceitar 3%

21/04/2018 por: Comunicação Sindiupes

O SINDIUPES – através do Coletivo de Diretores Sindicais em Vila Velha -, voltou a cobrar da Administração Max Filho uma nova proposta de reajuste salarial para os/as trabalhadores/as em educação da Rede Municipal de Ensino. O assunto foi discutido em audiência da Comissão de Negociação da PMVV no dia 18/04.

Na audiência, o SINDIUPES apresentou informações sobre a situação econômica do município e ressaltou que a Prefeitura iniciou o ano de 2018 com expectativa de melhorias na arrecadação. Tal situação representa condições reais para que a Administração Municipal ofereça um proposta melhor de reajuste à categoria.

Categoria em Assembleia no dia 12/04 recusou proposta de 3% da PMVV

Os diretores sindicais também reafirmaram junto à equipe de governo municipal a posição da categoria aprovada na última assembleia, dia 12/04: que é de não aceitar os 3% oferecidos pela Prefeitura e negociar, no mínimo, um aumento de 6,81% referentes ao reajuste do Piso Salarial Nacional em 2018.

Além disso, os/as trabalhadores/as reivindicam a continuidade das negociações e, à medida que houver melhorias na receita, que a Prefeitura venha garantir um percentual de reajuste para recuperar as perdas históricas da categoria.

De acordo com os representantes da Administração Municipal, haverá um esforço para concluir os  estudos acerca da evolução da receita municipal, porém será necessário aguardar até o final do mês de abril para que a Prefeitura apresente um novo índice de reajuste.

Na audiência, a equipe de governo destacou ainda que a orientação do prefeito é para que haja empenho no sentido de atender o mais breve possível as reivindicações da categoria, feitas através do SINDIUPES.

Nesse sentido, foi agendada uma nova audiência com o SINDIUPES e a Comissão de Negociação da PMVV para o dia 04 de maio.

 



Notícias Relacionadas

Curta o Sindiupes no facebook
Receba nossas notícias
Enquete

Quem sofrerá com o ajuste fiscal do ilegítimo Temer?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...