Vá para:

Nova Diretoria do SINDIUPES toma posse e reafirma compromissos

20/12/2018 por: Comunicação Sindiupes

A solenidade de posse da Diretoria Geral e Conselho Fiscal do SINDIUPES para o quinquênio 2018-2023 ocorreu nesta quarta-feira (19), no cerimonial Trupe Kids, no bairro República, na cidade Vitória. 

A cerimônia foi prestigiada por dirigentes sindicais, representantes da sociedade civil e do governo do Estado, além de familiares e funcionários do Sindicato. 

Os 73 diretores e o Conselho Fiscal foram empossados pela Comissão Eleitoral, integrada pelos/as professores/as Luciano Campista (Presidente), Francisco de Souza (Vice-presidente), Aline Rodrigues Olavio (Secretária Geral) e Sueli Cherri (1ª Secretária).

A mesa de pronunciamentos contou com a presença dos diretores do SINDIUPES Christovam Mendonça (Secretário de Organização e Secretário de Direitos Humanos da CNTE), Dorzília Vaz (Secretária de Organização), Carlos Duarte, (Secretário de Política Sindical e coordenador da CTB), Ildebrando José Paranhos (Secretário de Comunicação e Divulgação), Júlio César Alves (Secretário de Formação), Agberto Oliveira Lima (Secretário de Saúde do Trabalhador em Educação) e Noêmia Simonassi (Secretária de Administração e Finanças).

Também participaram da mesa a Secretária de Finanças da CUT, Clemilde Cortês, o presidente da CTB, Jonas Rodrigues de Paula, deputado estadual (PT) José Carlos Nunes, presidente do Sintraconst, Paulo César Borba Peres (Carioca), presidente do Sinpro, Juliano Pavesi e Secretário Estadual de Educação, Haroldo Corrêa Rocha.

Legitimidade
Todos os pronunciamentos foram unânimes ao destacarem a transparência e o caráter democrático das eleições do SINDIUPES, assim como a participação expressiva da categoria no processo eleitoral, o que garante legitimidade à  nova Diretoria na condução das lutas dos/as trabalhadores/as em educação.

Ressaltaram também a necessidade de união e resistência das entidades sindicais e movimentos sociais para enfrentar os ataques aos direitos da classe trabalhadoras, as tentativa de cerceamento da liberdade de pensamento e da liberdade e ameaças à democracia.

Representando a Direção do SINDIUPES, Noêmia Simonassi reafirmou o compromisso do Sindicato em defender os direitos dos/as trabalhadores/as em educação, ampliando suas conquistas, além de enfrentar as adversidades do momento político e social – como a Reforma da Previdência e a Escola sem Partido -, sempre na defesa de uma Educação Pública, de Qualidade, Democrática, Laica e com Igualdade.

Eleições
As eleições do SINDIUPES foram realizadas nos dias 19 e 20 de novembro com participação expressiva da categoria em todo o Estado.

A Chapa 2 – Sou + Sindiupes. O trabalho não para foi eleita com mais de 7 mil votos de professores/as e funcionários/as de escola, por meio de urnas fixas e itinerantes.

Os/as diretores/as eleitos são profissionais com anos de dedicação em sala de aula e experiência na luta sindical que se colocam à disposição da categoria para defender os seus direitos, com seriedade, determinação e coragem.

Propostas
Uma grande inovação a ser implementada pela nova Diretoria é a Plataforma de Formação Digital que irá oferecer cursos de formação inicial, continuada e especialização na modalidade de ensino à distância. 

O objetivo é garantir aperfeiçoamento e qualificação aos/às professores/as e funcionários/as de escola em todo o Estado.

Outra importante ação estratégica é a ampliação das secretarias que permitirá uma atuação mais intensa nas Regiões Norte, Sul e Serrana, bem como atendimento de forma segmentada nas áreas de Saúde ao Trabalhador, Políticas para a Juventude, Promoção dos Direitos da Pessoa LGBTI+, Meio Ambiente e Educação no Campo.

 



Notícias Relacionadas

Curta o Sindiupes no facebook
Receba nossas notícias
Enquete

Quem sofrerá com o ajuste fiscal do ilegítimo Temer?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...